Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !



‘TEMOS URGÊNCIA, MAS NÃO TEMOS PRESSA’, DIZ LEONELLI SOBRE CHAPA DO PSB; PDT ESTÁ NOS PLANOS

Publicado em: 11/4/2014
annMesmo com a chapa governista fechada desde março e a confirmação dos candidatos das oposições nesta quinta-feira (10), o PSB ainda não tem nome definido para a vice nem prevê data para anunciar o elemento que falta na coligação. “Queremos apressar ao máximo; temos urgência, mas não temos pressa. A pressa leva à imperfeição”, afirma Domingos Leonelli, coordenador da campanha da senadora Lídice da Mata, que disputará a vaga de governadora ao lado da ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Eliana Calmon, que tentará o Senado.
Enquanto a congressista participa do Fórum Mundial Urbano em Medellín, na Colômbia, Leonelli conta que o partido ainda conversa com outras legendas, como PPS e PV.
Com o PDT, que já foi citado por Lídice como um apoio desejado, as negociações continuam. “Mas não fechamos acordo, absolutamente”, reitera.
A expectativa de uma chapa totalmente feminina também está entre as possibilidades, mas, segundo Leonelli, “não é obrigatória”. “A chapa já é feminina, já tem a maioria de mulheres: Lídice e a doutora Eliana Calmon. Com certeza, se não vai ser totalmente feminina por ser, e sim, por mérito pessoal, valor próprio, independentemente de ser homem ou mulher”, analisou.
Com o cenário já definido, o socialista aponta que o diferencial da chapa é o fato de ter na própria candidata a liderança do processo. “Uma diferença essencial é que ela está montando a própria chapa, ela é a líder. As dos outros seguem o estilo da velha política: a de Rui Costa tem o dedinho de Wagner; a das oposições, tem o dedinho de ACM Neto, com loteamento de cargos já anunciados. Lídice não tem chefe”, compara.
por Luana Ribeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*