Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !



TADEU FAZ ‘POLITICA DE ABUTRE’, REBATE CORONEL; ‘SEMPRE FOI UM INCENDIÁRIO’, ACUSA ROBINSON

Publicado em: 16/4/2014

por Evilásio Júnior

Tadeu faz 'política de abutre', rebate Coronel; 'Sempre foi um incendiário', acusa Robinson

Fotos: Max Haack/ Ag. Haack | Luiz Teixeira/ Bahia Notícias

Os apoiadores de Jaques Wagner (PT) Ângelo Coronel, deputado estadual pelo PSD, e Robinson Almeida, ex-secretário de Comunicação, revidaram o ataque do parlamentar Capitão Tadeu (PSB), que imputou ao governador “falta de comando” para culpá-lo pela greve da Polícia Militar. No entendimento de Coronel, Tadeu “não tem credibilidade” porque usa o movimento paredista para se beneficiar politicamente. “Está infiltrado na categoria, que tem seu direito de requisitar, fazendo da greve palanque partidário. Faz política de abutre, de quanto mais morto melhor, para beneficiar a si e à candidata a governadora do partido dele, Lídice da Mata. Ele deveria ficar preocupado com [Marco] Prisco [vereador de Salvador pelo PSDB] que também tem candidato a governador [Paulo Souto, DEM] e está tomando o lugar dele”, provocou o social-democrata, em contato com o Bahia Notícias. Postulante a deputado federal pelo PT e ex-coordenador do programa Pacto pela Vida na Bahia, Robinson responsabilizou diretamente o socialista pela mobilização dos policiais. “Tadeu é um dos principais responsáveis pela paralisação parcial dos serviços de segurança. Sempre foi um incendiário. Nunca quis acordo. O tempo todo insuflou as associações e a tropa para a crise. É adepto da teoria ‘quanto pior, melhor’. Enquanto estive na condição de secretário, testemunhei as diversas tentativas de negociação. Tadeu se sente um comandante, um secretário e até mesmo um governador frustrado. Como parlamentar, sua ação esta sendo nefasta à sociedade”, atirou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*