Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !









Salvador: Na Câmara Municipal, Sinjorba critica MP que dispensa registro profissional para jornalista

Publicado em: 10/12/2019
Na Câmara Municipal, Sinjorba critica MP que  dispensa registro profissional para jornalista

Foto: Divulgação

O Sindicato dos Jornalistas da Bahia (Sinjorba), manifestou insatisfação contra a Medida Provisória nº 905, do governo Bolsonaro, que prevê mudanças Consolidação dos Leis do Trabalho (CLT), incluindo dispensa da exigência de registro para o exercício da função de jornalista, radialista e outras 12 profissões.

 

O presidente do Sindicato, Moacy Neves, participou da Tribuna Popular da Câmara Municipal na tarde desta segunda-feira (9). Na ocasião, ele afirmou que a prática do jornalismo vem sendo atacada no Brasil. “Em 2009, lamentavelmente, o Supremo [Tribunal Federal] acabou com a exigência de diploma para o exercício profissional e derrubou a Lei de Imprensa no Brasil. Nós somos o único país signatário das Organizações das Nações Unidas (ONU) que não possui uma lei de impressa para regulamentar nosso trabalho”, lamentou Moacy.

O titular do Sinjorba ainda afirmou que o governo “vem se impondo contra alguns veículos de comunicação”. “Estabelecendo critérios políticos para distribuição da verba publicitária federal e agora vem esta Medida, que acaba com o exercício do jornalista e radialista. Queremos crer que se trata de uma medida impensada”, disse Moacy, ao defender a exigência do registro profissional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*