Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !



MORPARÁ: PREFEITURA INTENSIFICA CAMPANHA NOVEMBRO AZUL E PÚBLICO COMPARECE ÀS PALESTRAS

Publicado em: 29/11/2014

IMG-20141128-WA0031 IMG-20141128-WA0033 IMG-20141128-WA0034 IMG-20141128-WA0035 IMG-20141128-WA0037

Fazendo parte da programação do NOVEMBRO AZUL 2014 em Morpará; aconteceu na manhã desta sexta-feira(28)no Colégio Joaquim Barbosa, uma belíssima palestra ministrada pelo Dr. Everton cujo tema centra foi “Prevenção Contra o Câncer de Próstata”que atinge milhões de homens com um número significativo ao ano, justamente por falta de prevenção e também de tomadas de providências quando constatado.

Na ocasião estiveram várias autoridades, entre elas o Secretário da Saúde que acompanhou tudo de perto além do comparecimento de um grande número de pessoas que já estão incluídos neste grupo de discussão.

IMG-20141128-WA0030 IMG-20141128-WA0029 IMG-20141128-WA0038 IMG-20141128-WA0032

Os profissionais da Saúde, entre eles Enfermeiros, mediram e avaliaram não só  a pressão arterial como também a realização de outros procedimentos para melhorar ainda mais a saúde dos participantes.

Outros assuntos também foram debatidos e esclarecidos como Hipertensão e Diabetes.

A Prefeita NALVA(22) não pode comparecer ao evento em virtude de no mesmo horário estar cumprindo agenda no interior do municipio,  conferindo o andamento dos trabalhos e visitando os moradores da zona rural; mas falou da importância do evento: “ Nosso trabalho consiste imediatamente na prevenção das doenças. É importante o trabalho que está sendo feito pela administração municipal, empenho dos servidores e principalmente da população que está participando. Isso mostra que a mentalidade mudou e muito quanto a este assunto do Câncer de Próstata. As orientações são imprescindíveis e os que forem diagnosticados, iremos dar total apoio na recuperação!” Disse a Prefeita NALVA de Morpará.

Por João Néris DRT 4145/BA

Fotos:Mara Almeida

Saiba mais…

O que é Câncer de próstata?

É o tipo de câncer que ocorre na próstata: glândula localizada abaixo da bexiga e que envolve a uretra, canal que liga a bexiga ao orifício externo do pênis.

Câncer de próstata

Fatores de risco

Menos de 10% dos cânceres de próstata têm algum componente hereditário. Quanto mais jovem o homem em quem o câncer for detectado, maior a probabilidade de haver um componente hereditário.

Sintomas de Câncer de próstata

Sintomas como dor lombar, problemas de ereção, dor na bacia ou joelhos e sangramento pela uretra podem ser suspeitos. A maioria dos cânceres de próstata não causa sintomas até que atinjam um tamanho considerável.

 

Diagnóstico de Câncer de próstata

Em homens acima de 50 anos, pode-se realizar o exame de toque retal e dosagem de uma proteína do sangue (PSA), por meio de exame de sangue, para saber se existe um câncer de próstata sem sintomas. O toque retal e a dosagem de PSA não dizem se o indivíduo tem câncer, eles apenas sugerem a necessidade ou não de realizar outros exames.

O toque retal identifica outros problemas além do câncer de próstata e é mais sensível em homens com algum tipo de sintoma. O PSA tende a aumentar de acordo com o avanço da idade. Cerca de 75-80% dos homens com aumento de PSA não têm câncer de próstata.

Cerca de 20% dos homens com câncer de próstata sintomático apresentam um PSA normal. Dependendo da região da próstata, o câncer também pode não ser palpável pelo toque retal. A melhor estratégia é realizar os dois exames, já que são complementares.

Prevenção

Alguns médicos recomendam a realização do toque retal e da dosagem do PSA a todos os homens acima de 50 anos. Para aqueles com história familiar de câncer de próstata (pai ou irmão) antes dos 60 anos, os especialistas recomendam realizar esses exames a partir dos 45 anos. Entretanto, vale lembrar que somente o médico pode orientar quanto aos riscos e benefícios da realização desses exames. Não existem evidências de que a realização periódica do toque retal e dosagem de PSA em homens que não apresentem sintomas diminua a mortalidade por câncer de próstata.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*