Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !









Líder em sindicatos, Tiago Ferreira projeta ‘oposição responsável’ na CMS

Publicado em: 15/12/2020

por Mauricio Leiro

Líder em sindicatos, Tiago Ferreira projeta 'oposição responsável' na CMS

Foto: Divulgação

Forte liderança nas frentes sindicais por onde passou, o agora vereador eleito Tiago Ferreira (PT) diz que irá fazer uma oposição responsável na Câmara Municipal de Salvador. Com 4.610 votos, Tiago é diretor do Sindicato dos Rodoviários da Bahia.

 

“Espero que essa legislatura seja independente com relação ao Poder Executivo. Os vereadores foram eleitos para legislar projetos para benefício da sociedade. Espero que as bancadas entendam que nem todos os projetos que venham do governo, eu serei contra. Serei contra ao que prejudique quem já tem pouco. Não serei uma oposição irresponsável. Acredito na Câmara, na condução de Geraldo – meu partido já definiu apoio a ele. Que ele tenha isenção e trato com a oposição. Queremos fazer o debate”, pontuou ao Bahia Notícias.

Compondo um bloco com mais três vereadores, Tiago comentou que a bancada do Partido dos Trabalhadores segue em “discussão interna” para definir a liderança. “Temos dois vereadores mais experientes que são Marta [Rodrigues] e Suíca, além de [Maria] Marighela. Temos que discutir a experiência e renovação. É o nosso primeiro mandato, mas sou dirigente de um dos maiores sindicatos, fui dirigente nacional da CUT, venho de três eleições. Tenho experiência nas lutas. Isso não me tira o mérito de participar de uma posição de liderança”, explicou. 

Ferreira acrescentou que gostaria de estar na liderança do bloco. “Milito tem muitos anos no PT. Meu primeiro voto foi do PT em Lula. Desde estudante. Me sinto tranquilo e preparado para essa discussão. Não tenho receio”, disse.  

ESPORTE E JUVENTUDE

Líder comunitário no Subúrbio Ferroviário, Tiago Ferreira também foi secretário da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e por isso explicou que terá pautas voltadas para as “periferias na cidade, no incentivo da cultura na juventude, no esporte e na juventude”.

“Temos que incentivar o jovem, para ter uma esperança de dias melhores. E também para defender os trabalhadores, não só os rodoviários. Das pessoas que vivem nas periferias da cidade”, comentou. 

O vereador também tem como meta apresentar um projeto para que a prefeitura de Salvador custeie o transporte rodoviário de estudantes de escola pública. “Também quero apresentar o projeto de descentralização dos recursos do carnaval, para rediscutir e para o fortalecimento nas periferias, com jovens talentos que não tem incentivos”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*