Bem Vindo ao Correio do Oeste - 9 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

DELATOR DIZ QUE PC DO B RECEBIA PROPINA DO MINHA CASA MINHA VIDA

Publicado em: 18/6/2016

IMAGEM_NOTICIA_5 (2)

O PCdoB estaria envolvido num esquema de corrupção que cobrava, indevidamente, até 30% de propina por casas construídas no programa Minha Casa Minha Vida, durante o governo Lula, de acordo com delação premiada do ex-deputado Pedro Corrêa. Segundo a revista Veja, o anexo 27 da delação de Corrêa indica que o partido comunista, durante o comando da Diretoria de Produção Habitacional do Ministério das Cidades, coordenado por Daniel Nolasco, administrava bilionárias verbas do programa. Nolasco, que foi indicado ao cargo pelo ex-ministro Aldo Rebelo, comandava verbas destinadas a empreiteiras de pequeno porte, que atuavam na edificação de casas para a população carente em municípios com menos de 50 mil habitantes. Em reportagem, a Veja explica, através da delação, como o esquema acontecia: o diretor do órgão, a quem cabia liberar recursos para os empreiteiros e cobrar a propina, tinha uma empresa, a RCA Assessoria. O ministério, então, fechou convênio com a empreiteira e repassou a verba para a construção dos imóveis, onde os empresários corruptos pagavam a propina acordada com o PCdoB para a RCA. Ainda de acordo com a publicação, o esquema do PCdoB era dividido com o PT e com o PP e operou cobrando propinas na construção de pelo menos 100 mil casas populares. Segundo Veja, Aldo Rebelo foi procurado pela reportagem para comentar as acusações de Pedro Corrêa, mas o ex-ministro não teria atendido às ligações.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*