Bem Vindo ao Correio do Oeste - 9 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

BELL DEIXARÁ CHICLETE PARA FAZER CARREIRA SOLO

Publicado em: 10/9/2013

bell-marques-e-seu-sorriso-contagiante-alegrou-o-circuito-barra-ondina-dodo-em-salvador-1722012-1329506880698_1920x1080
Confirmado. O cantor Bell Marques vai seguir em carreira solo. O próprio artista confirmou a informação ao apresentador Zé Eduardo. Bastante emocioando, Bell explicou o fim da parceria que fez história no Carnaval da Bahia e construiu um sucesso de 30 anos. “É decorrente de um desgate natural na banda. Tenho amizade com todos, com meu irmão, mas não estava tendo o prazer mais de tocar. Quero revigorar”, afirmou.

O artista vai galgar novos projetos e desafios, já com novidades à vista. A experiência acumulada e a trajetória do cantor na maior festa popular do planeta já o fez abrir uma produtora que irá gerir sua carreira e a dos filhos, Pipo e Rafa Marques, que detêm a Oito7Nove4.

Bell já prepara um vídeo que será postado na rede social do Chiclete e direcionado aos fãs.

Entre os artistas da fila estão para substituir Bell estão, o cantor Topeira, da Banda 5% e o cantor Rafa Chaves, da banda Via Circular. Toperia já tem a experiência de puxar o bloco Nana Banana às quintas. Rafa assumiu, recentemente, o lugar de Levi Lima e já é destaque entre os novos artistas do cenário musical baiano. Rei e Wadinho serão os timoneiros do Chiclete.

Mas, a folia do ano que vem ainda com Bell no comando do ‘tiranossauro rex’ está garantida. Os foliões só não poderão contar mais com o Voa Voa, que deixa de desfilar na Avenida. Bell Marques irá se despedir na terça de Carnaval, no bloco Camaleão, direto do circuito Barra-Ondina.

“Banda nova, tudo novo”, afirmou, já garantindo que a essência e energia chicleteira seguem com ele. Para os chicleteiros de plantão, resta agora correr e garantir os últimos abadás para a folia do ano que vem e aguardar o novo projeto que vem somar no cenário musical da Bahia. Já ao ‘Bell do Chiclete’, os fãs poderão contar as horas para o Camaleão 2014 e junto com a nação chicleteira dizer que “foi eterno enquanto durou. Adeus, foi bom e valeu!”. Bocão News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*