Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !



SENADO APROVA CALENDÁRIO ESPECIAL EM APENAS CINCO SEMANAS OBRIGATÓRIAS DE JUNHO A OUTUBRO

Publicado em: 26/2/2014

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.nZbimraDlF

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB) definiu nesta terça-feira (25) um calendário especial de votações para 2014 para ser cumprido de junho até outubro que concentra os trabalhos em cinco semanas, reduzindo em 72% a atividade na casa, sem redução de salário. Sem este calendário, estabelecido por conta da Copa do Mundo e das eleições, os senadores trabalhariam obrigatoriamente 18 semanas nestes cinco meses. As outras sessões não terão votações e serão dedicadas aos discursos dos congressistas, quando as faltas não resultam em cortes de salários. Em junho, haverá apenas uma semana de trabalho, somando a liberação para a Copa do Mundo, convenções partidárias. Em julho, há nova semana de votações, seguida de recesso parlamentar. Agosto e setembro terão cada um também só uma semana de atividades obrigatórias. Segundo Calheiros, o calendário especial serve para “compatibilizar ano eleitoral e eventos internacionais com o funcionamento do Congresso”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*