Bem Vindo ao Correio do Oeste - 9 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

IMBASSAHY ACUSA GOVERNO DE FUGIR DAS INVESTIGAÇÕES NA PETROBRAS

Publicado em: 15/10/2014

O líder do PSDB na Câmara, Antonio Imbassahy

O líder do PSDB na Câmara, Antonio Imbassahy, considerou lamentável os obstáculos criados pela base de apoio da presidente-candidata Dilma Roussef, que impediu, esta semana, a realização de uma sessão extraordinária da CPI Mista da Petrobras. O objetivo era aprovar a convocação do tesoureiro nacional do PT, João Vaccari Neto, do ex-diretor da estatal Renato Duque e do doleiro Alberto Youssef, para falar sobre as irregularidades na estatal. Imbassahy foi um dos articuladores do pedido de reunião. “Eles foram apontados pelo ex-diretor da empresa, Paulo Roberto Costa, como mentores e partícipes dessa quadrilha que está assaltando a Petrobras. É importante ouvi-los”, justificou. Para o líder oposicionista, a despeito das repetidas desculpas de que nada sabe, o Planalto sabe muito bem o que os três acusados tem a revelar, por isso quer evitar a todo custo o depoimento deles à CPMI. “A verdade é que o governo foge do assunto como o diabo foge da cruz”, comparou Imbassahy. O líder tucano garante, porém, que os desdobramentos das investigações vão acontecer. “Como é um condomínio de ladrões que se instalou na Petrobras, evidentemente esse assunto tem uma vastidão e uma profundidade muito grande. Mas que tudo vai ser investigado, isso vai”, afirmou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*