Bem Vindo ao Correio do Oeste - 9 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

CORIBE E REGIÃO:AGRICULTORES SE REÚNEM COM PRESIDENTE DA CODEVASF

Publicado em: 27/8/2013

220130827145050

Agricultores familiares do município de Coribe, no Médio São Francisco baiano, puderam apresentar ao presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Elmo Vaz, suas sugestões e necessidades para melhor estruturação e funcionamento dos perímetros da região que são geridos pela Companhia.

A reunião na Fazenda Germânia, dentro do perímetro Formosinho – o qual registrou um aumento na produção de 244% em quatro anos (2009 a 2012) -, teve as presenças do superintendente da 2ª Superintendência Regional, baseada em Bom Jesus da Lapa (BA), Lourival Gusmão, e do diretor de Irrigação da Codevasf, Solón Braga, além de outras autoridades, como os prefeitos de Coribe, Manoel Rocha, e São Félix do Coribe, Moacir Pimenta, e do deputado federal José Rocha.

Elmo Vaz elogiou os agricultores da região pelos resultados obtidos e pela superação de adversidades naturais da região, e ressaltou a importância de conhecer de perto os locais onde a Companhia atua.

“Fico muito feliz por estar à frente da Codevasf, vir aqui e saber que estamos contribuindo para que as famílias daqui tenham dignidade. É muito louvável o trabalho dos produtores daqui e da associação, sua parceria com a superintendência da Companhia. E tenho certeza que, com a confiança que vocês depositam em nós, as condições de vida na região melhorarão ainda mais”, disse o presidente da Codevasf.

“É muito importante a presença do presidente da Codevasf e de algumas lideranças políticas para que a gente possa dar sequência nessa caminhada de Formosinho, sempre com crescimento. Apresentamos algumas reivindicações importantes e a nossa expectativa é muito grande, pelas promessas, tanto do presidente quanto da 2ª Superintendência Regional”, destacou Davi Andrade da Silva, presidente da Associação dos Produtores do Perímetro Irrigado de Formosinho (ASPPIF) que, na ocasião, foi beneficiada com a doação de uma moto pela Codevasf.

Desempenho do Formosinho surpreende

Um conjunção de fatores – como o investimento em infraestrutura e uso racional da água, em assistência técnica e extensão rural, créditos rurais tomados em bancos públicos e muita vontade de um grupo de agricultores familiares de prosperar com cultivo de frutas no semiárido baiano –, resultou num salto de 244%, num período de quatro anos, na produção dos lotes do projeto piloto Formosinho, perímetro irrigado gerido pela Codevasf em Coribe.

São 40 lotes familiares e uma área irrigável de pouco mais de 400 hectares – 70% desta área estão hoje ocupados e com perspectiva de continuar crescendo. Somente neste ano, a área plantada de banana – que atualmente corresponde à metade da ocupação – aumentou em 40%.

A produção, em toneladas, registra ritmo crescente: foram 417 toneladas em 2008, dobrando em 2010 para 984 toneladas e, em 2012, saltando para 1.255 toneladas.

A expectativa é de que em 2014 a exploração do perímetro chegue a uma taxa de 80% a 85%. Os dados contabilizados pela Codevasf registraram um faturamento bruto de cerca de R$ 1 milhão em 2012 (não passava de R$ 195 mil em 2008), e a Associação dos Produtores do Perímetro Irrigado de Formosinho (ASPPIF) aposta fechar 2013 na casa de R$ 1,6 milhão.
Fonte:Jornal Nova Fronteira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*