Bem Vindo ao Correio do Oeste - 9 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

CATOLÂNDIA: BR 135- AGORA VAI OU RACHA

Publicado em: 12/8/2013

a2293f71a38503f35fff9ad82e8d068f
Agora vai ou racha’, era a frase mais ouvida em Catolândia, município localizado no Oeste da Bahia, depois que o prefeito Gilvan Pimentel, a vice-prefeita Evalda Almeida de Souza e a presidente da Câmara de Vereadores, Sulamita Reis de Souza, retornaram de Brasília, onde participaram de audiência com o Ministro de Transporte, o baiano Cesar Borges para tratar da conclusão das obras da BR 135, embargadas há mais de cinco anos pelo Ibama em decorrência de problemas ambientais.
10c2cb4758f4f1c0b76ada47a920e9e5

Pimentel e a vice-prefeita Evalda de Souza durante entrevista ao Nova Fronteira

Na oportunidade o prefeito Pimentel protocolou ofício nº 0122/2013, solicitando a mudança do trajeto da BR 135, que passaria por Catolândia e seguiria pela BA 455, descendo a serra e cruzando vale pelo povoado de Arraial da Penha até chegar em Barreiras.

Inclusive segundo Pimentel, técnicos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Denit), estiveram recentemente na região fazendo o levantamento de viabilidade técnica onde constataram que esse seria o melhor trajeto, uma vez que pelo projeto antigo, a BR 135 cruzaria por cima de mais de 56 grutas e cavernas existentes na região, e por isso o embargo do Ibama. “O novo trajeto por Catolândia atenderia a questão do embargo ambiental e serviria de fator de integração de três municípios”, disse Pimentel.

O prefeito comentou ainda que durante a audiência ouviu do Ministro Cesar Borges, que o atual diretor estadual do Derba na Bahia, Saulo Fontes, já o havia orientado sobre essa nova possibilidade. “O Ministro confirmou que a única solução para a conclusão da BR 135 é mudar o trajeto para Catolândia”, comemorou Pimentel, informando que o Ministro disse que já havia ‘batido o martelo sobre o assunto’.

“Para confirmar o adiantado do assunto, no dia de ontem, 08, funcionários da TOP Engenharia estiveram em Catolândia conferindo o novo trajeto”, relatou Pimentel enfatizando que a passagem da BR 135 por Catolândia trará um grande salto desenvolvimentista para a cidade. “Nesses 51 anos de emancipação política o município viveu num total isolamento. Nossos jovens acabavam indo embora por falta de opções. Agora não, tudo ficará mais fácil e a cidade poderá atrair indústrias”, exaltou o gestor municipal.

2e1e8defc5eb97a36c8b145f79ea87a8
A passagem da BR 135 pelo município dia trará desenvolvimento para a então pacata Catolândia

Fonte:Jornal Nova Fronteira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*