Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !









BARREIRAS:HOMEM É PRESO POR PEDOFILIA E TENTATIVA DE ESTUPRO DE VULNERÁVEL

Publicado em: 09/4/2013

220130409075755Antonio Pereira dos Santos, natural de Iraquara/BA, 51 anos, que tem a profissão de pintor de paredes, foi preso acusado de tentar estuprar uma menina de nove anos. De acordo com a polícia, a mãe da criança desconfiou que o acusado estava tentando seduzir a menor presenteando-a constantemente com notas de um e dois reais e pegando em suas partes íntimas. A mãe, então, passou a investigar o caso. O acusado fez amizade com a criança ao realizar um trabalho de pintura na residência dos pais dela. Ele era cliente da loja de materiais de construção onde a genitora da menina trabalhava como vendedora.

A mais ou menos dois meses atrás, a menina contou que ele lhe mostrou uma câmara digital com vídeos de pornografia, imagens que exibiam seus órgãos genitais e ainda fez várias propostas com a intenção de seduzi-la. Depois de reunir importantes provas contra o acusado, a mamãe resolveu denunciar o caso a polícia, telefonando para a delegacia na manhã desta segunda-feira, 08.

Os policiais gravaram uma conversa do pedófilo por telefone, oferecendo R$ 30 reais à menina e marcando um encontro com ela na porta de sua escola para um passeio de moto. Entretanto, diante dos fatos, planejaram prendê-lo em flagrante pedindo à garotinha que confirmasse o encontro. Disfarçados e com veículos despadronizados, os investigadores acompanharam o momento em que ele colocou a criança na garupa do veículo e seguiu em direção a um matagal próximo ao Campus da UFBA.

Sua prisão

Ele recebeu voz de prisão, em um local ermo, ao sair do asfalto e seguir por uma estrada vicinal, logo após a ponte da “prainha”, onde parou a motocicleta ao perceber que estava sendo seguido pelos veículos nos quais estavam os policiais.

No local, ele negou as acusações, mas na delegacia confessou a intenção de violentar a criança. Ele assegura que em nenhum momento houve conjunção carnal dele com a vítima, no entanto, o delegado vai solicitar a realização de exames para averiguar o estado da garota.

“Ele está sendo autuado com base no art. 217-A do Código Penal Brasileiro, que prevê pena de oito a 15 anos de reclusão, para quem tem conjunção carnal ou pratica outro ato libidinoso com menor de 14 anos”, disse Alírio. O delegado revelou que a confissão dele, as gravações telefônicas, o depoimento da criança, da mãe e o ato de pegá-la na escola sem a autorização dos pais, já são suficientes para configurar o crime.

Antonio diz ser casado, residente na Travessa Minas Gerais, no bairro Vila Rica e possui um filho de 16 e uma filha de 26 anos. Afirma ter destruído sua vida e se defende das acusações alegando ter caído numa armadilha, se referindo ao momento em que a menina foi orientada a aceitar a proposta de sair da escola em sua companhia.

Fonte Alo Alo Salomão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*