Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !



BARRA, 141 ANOS. MUITA HISTÓRIA PARA COMEMORAR!

Publicado em: 09/6/2014

A Prefeitura de Barra tem a honra de convidar você para participar das comemorações dos 141 anos de nossa cidade.

A festa começa com a cerimônia de inauguração do Residencial Rio Grande que contará com a ilustre presença do goverador Jaques Wagner. São 450 casas do Projeto Minha Casa Minha Vida que serão entregues à população na manhã do dia 14 de junho.

Na segunda-feira, 16, o dia inicia com as tradicionais cerimônia cívica e corrida da emancipação a partir das 07h30min, na Praça do Coreto. A noite a festa continua com o forró do Seu Maxixe e o pagode do Harmonia do Samba.

Tudo isso é pra celebrar os 141 anos de Barra em alto estilo e abrir o São João 2014, com chave de ouro.

Um pouco de História

Em 1873 a Vila de São Francisco das Chagas do Rio Grande do Sul, ou simplesmente Vila da Barra, é promovida a cidade Florescente da Barra do Rio Grande que mais tarde passa a ser chamada de Barra do Rio Grande, Cidade da Barra, e hoje, apenas Barra. Não é toda cidade que comemora 141 anos de história.

Por ordem de Dom João III, rei de Portugal, em 29 de março de 1549 Tomé de Souza chegava ao Brasil para fundar a cidade de São Salvador. Entre a tripulação estava Garcia D’Ávila, braço direito de Tomé de Souza.

Para dinamizar a economia local o governador mandou buscar gado nas Ilhas de Cabo Verde, na África e Garcia D’Ávila foi contemplado com algumas cabeças. Sua propriedade ficou conhecida como a Casa da Torre.

Como o rebanho crescia e a beira mar não era um bom lugar para a criação, a Casa da Torre começou a tocar suas reses para o oeste e conquistar aos poucos o sertão baiano.

Foi aí que tudo começou. Por volta de 1670 um curral da Casa da Torre foi instalado nas barrancas da barra do rio Grande – final do rio Grande – local onde esse, deságua no São Francisco. Criou-se então, a Fazenda da Barra do Rio Grande.

Padres jesuítas que vieram com os vaqueiros construíram ali uma capela, a Capela de São Francisco das Chagas da Barra do Rio Grande do Sul (“do Sul” para evitar confusão com o Rio Grande do Norte).

Em 1698 Dom João de Lancastro, governador geral do Brasil, transformou a Fazenda em povoado: Povoação de São Francisco das Chagas do Rio Grande do Sul, distrito da Vila de Cabrobó, Capitania de Pernambuco. Em 5 de dezembro de 1752 o vice-rei do Brasil, Dom Luís Pedro Peregrino, promoveu à Vila o Povoado da Barra, mas o novo status só foi efetivado em 23 de agosto de 1753.

Em 1820 foi criada a Comarca de São Francisco tendo como sede a Vila da Barra, essa Comarca em 1824, passou de Pernambuco para Minas Gerais e em 1827, Dom Pedro I imperador do Brasil, transferiu a Comarca de São Francisco para a Bahia.

Dia 16 de junho de 1873 a Vila da Barra passou a ser a Cidade Florescente da Barra do Rio Grande que em 1912 transformou-se em Cidade da Barra e em 1931, apenas Barra.

Município que já foi o maior da Bahia, possui hoje uma área de 12.299 Km² , uma população de mais de 50 mil habitantes, e agora, 141 anos de uma bela história. ”

Prefeitura da Barra Trabalho e Desenvolvimento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*