Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !







BAHIA OFERECE 5.910 VAGS PARA QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL DE JOVENS E ADULTOS

Publicado em: 15/8/2013

programas_jovens1-300x168

Novas oportunidades de qualificação profissional para jovens e trabalhadores estão sendo ofertadas pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia. O órgão iniciou nesta quarta-feira (14), e prossegue até 23 de agosto, o processo de matrícula para cursos técnicos de nível médio, na modalidade Educação de Jovens e Adultos Nível Médio (Proeja Médio) e Nível Fundamental (Proeja Fundamental). São 5.910 vagas de cursos regulares ofertados para o segundo semestre do ano letivo na capital e interior (confira lista no Portal da Educação).

A Bahia é o maior ofertante do Proeja Médio entre os estados da federação. Do total de vagas, 2.580 são para cursos técnicos de nível médio, entre os quais: Técnico em Agroecologia, Agropecuária, Alimentos, Agronegócios, Analises Clínicas, Administração, Cooperativismo, Comércio, Cozinha, Documentação Musical, Enfermagem, Edificações, Eletrotécnica, Eletromecânica, Guia de Turismo, Instrumento Musical, Logística, Manutenção e Suporte em Informática, Nutrição e Dietética, Recursos Humanos, Secretariado e Segurança do Trabalho. Podem fazer a matrícula, jovens e trabalhadores que têm 18 anos ou mais e já concluíram o ensino fundamental.

Além de Salvador, as vagas do Proeja Médio também beneficiam estudantes das cidades de Conceição do Coité, Ilhéus, Itambé, Caravelas, Sento Sé, Barreiras, Brumado, Guanambi, Capim Grosso, Saúde, Ribeira do Pombal, Alagoinhas, Catu, Feira de Santana, Mata de São João, Vitória da Conquista, Santo Amaro, Maragogipe, Santa Maria da Vitória, Paulo Afonso e Senhor do Bonfim. A oferta de cursos ocorre de acordo com as necessidades por qualificação e formação profissional nos Territórios de Identidade do Estado. Os estudantes interessados devem procurar as próprias unidades escolares.
WPaparte
Pronatec – Já são mais de 18 mil jovens e trabalhadores formados pelo governo desde 2007, com a reestruturação da Rede Estadual de Educação Profissional. O senador Walter Pinheiro (PT-BA) comemora esta marca. “O desenvolvimento da Bahia está atrelado à ampliação do acesso dos jovens às oportunidades. Este é o nosso compromisso. A chegada de mais duas Universidades Federais e nove IFETs na Bahia foi marcado com o lançamento também do Pronatec pela presidente Dilma, em 2011”, lembrou o senador.O parlamentar se refere às Universidades Federais do Sul da Bahia, com campi em Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas; do Oeste da Bahia, com campi em Barra, Bom Jesus da Lapa, Barreiras e Luís Eduardo Magalhães; e os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFETs) em Xique-Xique, Serrinha, Itaberaba, Alagoinhas, Santo Antônio de Jesus, Brumado, Lauro de Freitas, Juazeiro e Euclides da Cunha.

O Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego) vai oferecer 8 milhões de vagas até 2014 em cursos de formação técnica e profissional, para estudantes do ensino médio das escolas públicas e trabalhadores. “Precisamos ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica. Precisamos ampliar o acesso à informação e formar mão-de-obra”, diz Pinheiro, que mobilizou o País contra a extinção dos CEFETs na era FHC – em 1997, as escolas técnicas estiveram ameaçadas por um decreto (nº 2208) do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Os baianos ainda contarão com a expansão da Universidade Federal da Bahia (UFBA) em Camaçari e a da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia em Feira de Santana e a criação da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasi (Unilab) em São Francisco do Conde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*