Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

MANSIDÃO: FRUTOS DA LUTA DO PREFEITO NEY BORGES COM O GOVERNO DO ESTADO LEVARÁ ÁGUA TRATADA PARA POÇO DO MEIO,BARREIRO E SÃO JOSÉ JÁ NO INICIO DE 2019

Publicado em: 07/11/2018

Os frutos da luta incansável do Prefeito de Mansidão,Ney Borges e sua equipe de Governo, em parceria com o Governo do Estado da Bahia, tem levado muitas alegrias ao povo mansidãoense!

Em várias frentes  de solicitações, a luta pelo melhoramento do fornecimento de água tem sido constante, mas os resultados estão aparecendo.

Só para se ter uma ideia, representantes  da  Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) promoveu, nos dias 30 e 31 de outubro, uma série de reuniões com os futuros beneficiados com água tratada na zona rural de Mansidão, nas localidades de São José, Poço do Meio e Barreiro cujo objetivo foi esclarecer sobre a operação do sistema de abastecimento de água, previsto para ocorrer ainda no início de 2019.

A parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado,através da  Embasa, está investindo, com recursos do Fundo de Erradicação de Combate a Pobreza (Funcep), um montante de R$ 1,24 milhão na extensão de rede que vai beneficiar 634 famílias com água de qualidade em meio à escassez hídrica.

Vale destacar que em Aroeiras já existe um reservatório que fornece água para a comunidade local, porém com a ampliação da rede de distribuição, que vai levar água para outras comunidades já citadas, existe a necessidade de se fazer um novo reservatório maior e de concreto, para uma melhor captação de água e tratamento, inclusive para fornecer água de forma regular não só para Barreiro e São José, como também para os próprios moradores de Aroeiras que serão beneficiados.

Este reservatório que está sendo construído, deve armazenar água suficiente para levar até outros povoados vizinhos como Juaí entre outros.A obra é grandiosa e o prefeito Ney Borges já está lutando junto aos orgãos competentes para beneficiar outras localidades que sofrem com a escassez de água.

Em tempo, nesta primeira leva de ampliação da rede de distribuição de água, está também a Comunidade de Poço do Meio que deve ser beneficiada com a água que será levada da sede até o citado povoado.Neste caso, como Poço do Meio fica perto da cidade de Mansidão, será abastecido pelo reservatório que fica na sede.Diga-se de passagem que já foi feito todo o trabalho de encanação.Ou seja, as coisas boas estão andando no tocante a questão de solucionar o problema da falta de água.

A inauguração como já citado será no inicio de 2019;

“O mais importante é que nosso trabalho está andando e os frutos estão aparecendo.Vamos em breve comemorar esta conquista já no inicio do ano que vem, porém nos bastidores, estamos lutando para levarmos água para outras localidades.Têm localidades que necessitam urgente e nós vamos fazer de tudo para sanar estas pendências.”Disse o Prefeito Ney Borges

 

Em relação as reuniões, a Embasa através de sua Assessoria de Comunicação declara que foram proveitosas e as pessoas estão felizes:

Nascida na localidade de São José, a moradora Aurina Evangelista de Souza, 84, vê na possibilidade da água tratada sair da torneira um sonho que já esteve mais distante. “A água é mais saúde para quem está bebendo. Está todo mundo aqui esperando essa água chegar”, afirma. Ao assistir com muita atenção a reunião com a equipe da Embasa, o morador do Poço do Meio, Manoel Firmino de Oliveira, 73, acredita que a vida vai mudar depois da água na torneira. “A água que tem é do poço com água salgada e a gente traz água da cidade para beber e cozinhar. Muitas vezes a gente fica quase dois meses sem água do poço”, afirma.

 

Da lócalidade do Barreiro, Benedita Gomes dos Santos, 67, explica que a presença da Embasa com as reuniões é importante para tirar as dúvidas da população e que está ansiosa com o início do abastecimento. Na oportunidade, a área social, por meio da assistente social, Geisa Mendes, esclareceu sobre a importância da aquisição do reservatório e do uso consciente da água, além de informar sobre a documentação necessária para o cadastramento – cópias do RG, CPF, documento do imóvel/conta de energia e cartão do Bolsa Família, caso seja beneficiário do programa social. Na oportunidade, foram distribuídas cartilhas educativas sobre o monitoramento do consumo, tarifa e a conta de água, além de dicas para reforçar hábitos que evitem o desperdício e o consumo elevado.

Por João Néris DRT 4145-BA com informações da Embasa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*