Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

EM IPUPIARA, FESTIVAL DE MÚSICA E POESIA COMO FUNDAMENTO DE ESTÍMULO À APRENDIZAGEM

Publicado em: 04/9/2018

As muitas transformações aconteceram no ensino da música desde o século passado. A partir dos anos 60 foram criados novos caminhos para o ensino musical, trazendo inovações na linguagem, que se tornou mais livre na exploração sonora, no uso de novos instrumentos e de materiais não convencionais.

Hoje, ainda mais, a arte musical se empenha na exploração da matéria sonora, produzindo novos objetos artísticos e musicais, novas técnicas e, sobretudo, novas atitudes estéticas e filosóficas diante do fato criativo (SCHREIBER, 2008).

A Música na Educação Básica como conteúdo estruturante da disciplina de Arte proposto nas Diretrizes Curriculares do Estado do Paraná (DCEs) é reconhecida como uma forma de representar o mundo, de relacionar-se com ele e de fazer compreender a imensa diversidade musical existente.

Para entender melhor a música é necessário desenvolver o hábito de ouvir os sons com muita atenção, de modo que se possam identificar os seus elementos formadores, as suas variações e as maneiras como são distribuídos e organizados numa composição musical. Dessa forma, pode-se reconhecer como a música se organiza.

Segundo Wisnik, a poesia é uma das sete artes tradicionais, pela qual a linguagem humana é utilizada com fins estéticos, ou seja, ela retrata algo que tudo pode acontecer dependendo da imaginação do autor como a do leitor, ela é um meio privilegiado para despertar o amor pela língua materna. A rima, o ritmo e a sonoridade, permitem uma descoberta progressiva das potencialidades da linguagem escrita.

Daí a importância de se trabalhar com poesias na sala de aula, por se tratar de um gênero textual no qual forma, conteúdo e ritmo podem ser explorados de maneira significativa para ensinar a ler, desenvolver a fluência na leitura oral e na interpretação de textos pela criança.

Hélder Pinheiro (2007) afirma que poesia oferece paradigmas de alta criatividade, de diferentes modos de trabalhar a linguagem, de explorar imagens e sons diferenciados e significativos. Também, à medida que é levada, sistematicamente, ela pode criar o desejo de conhecer mais um ou outro poeta ou poetisa, um ou outro tema – ou como determinado tema foi poetizado em diferentes momentos da história.

Mas para formar o gosto pela leitura há que se trabalhar de modo constante, jamais aleatoriamente. É do conhecimento de vários estilos, de vários temas, de várias possibilidades de trabalho com a linguagem que se vai formando o gosto.
Se a escola faz um trabalho de leitura de poesia desde as séries iniciais com certeza tem boas chances de despertar interesse pela poesia e formar o gosto pela leitura.

Transformar a sala de aula em um ambiente de construção de ideias e opiniões onde o conhecimento é recriado a todo instante por meio de significações e experiências, onde corpo e mentes são envolvidos, tornando o aluno ser integral e consciente de suas potencialidades, é muito importante.

O II FESTIVAL DE MÚSICA E POESIA
DA ARNALDO SANTANA

Foi neste sentido que a Escola Municipal Arnaldo Santana, através da disciplina de artes, desenvolveu importante projeto naquela unidade de ensino.

Diversas atividades voltadas para aguçar as habilidades artísticas dos alunos, promovendo a compreensão da importância social e política das diversas tendências no campo das artes, do ponto de vista histórico e social, terminaram em uma culminância movida a um festival de música e poesia.

Diversos alunos participaram, cantando diversas canções e fazendo o recital poético. A professora de Artes, Joelma Novais Sodré da Silva, foi a coordenadora das ações previstas no seu plano de intervenção pedagógica.
Os resultados divulgados pela professora Carla, vice-diretora escolar, foram os seguintes:
MÚSICA
Categoria mirim: Ludmila, Julia e Milena, Cristiane, Felipe e Julia.
Adolescente: Rhana Cecília, Gabriel, Helloya e Ranna Loise.
POESIA
Raquel, Giovanna e Stefany.

Joelma avalia a atividade como muito importante no processo formativo das crianças e manifestou-se bastante feliz com os resultados e especialmente com a desenvoltura dos participantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*