Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !





WAGNER RECEBE ORGANIZADORES DO BRASIL RIDE 2013

Publicado em: 21/8/2013

1170733_662831967060646_247513180_n

O governador Jaques Wagner recebeu, nesta quarta-feira (21), os organizadores da 4ª edição do Brasil Ride, uma prova internacional de mountain bike que será realizada entre os dias 20 e 26 de outubro, na Chapada Diamantina. Desta competição vão participar cerca de 400 ciclistas nacionais e internacionais, que percorrerão, durante sete dias, as trilhas entre as cidades de Mucugê e Rio de Contas.

A prova internacional terá o apoio da Superintendência de Desportos da Bahia (Sudesb) e da Bahiatursa que, juntas, vão investir R$350 mil. O coordenador Mario Roma destacou que “o apoio do Governo do Estado oferecido nas três primeiras edições foi de fundamental importância para a realização das provas”.

Os organizadores da Brasil Ride buscam apoio de patrocinadores para viabilizar a prova no calendário esportivo anual da Bahia. Na audiência com o governador, foi sinalizada a possibilidade de o Governo auxiliá-los nesta tarefa.

O encontro contou com as presenças dos secretários Nilton Vasconcelos (Trabalho e Esporte); Domingos Leonelli (Turismo); do diretor-geral da Sudesb, Raimundo Nonato (Bobô); da prefeita de Mucugê, Ana Medrado; e do presidente da Federação Baiana de Ciclismo (FBC), Orlando Schimidt.

Competição

Disputada sempre em duplas, a Brasil Ride possui as categorias Feminino, Mista, Open, Master, Grand Máster e categoria corporativa, com três integrantes, formação livre. A prova faz parte do Circuito Mundial de Ciclismo e pontua para o Ranking Mundial.

Cada dia de prova, os ciclistas vão percorrer cenários paradisíacos, pelos caminhos abertos no garimpo de diamantes do século XVIII. O palco é o Parque Nacional da Chapada Diamantina, que possui 152 mil hectares e altitude média entre 800 e 1.200 metros, com picos de até 2.000 metros.

Segundos os organizadores, no ano passado, a prova conseguiu valores de R$ 18 milhões em exposição de mídia espontânea positiva. Nas três primeiras edições, gerou mais de R$ 35 milhões em mídia, sendo eleita a melhor prova de mountain bike do Brasil, recebendo o prêmio ‘Guidão de Ouro’ pela Revista Bike Action. Prêmio este que deu à prova a certificação da União Internacional de Ciclismo (UCI).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*