Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !









Uefs regulamenta atividades remotas da pós enquanto planeja retomada de aulas presenciais

Publicado em: 04/9/2020

por Bruno Leite / Ailma Teixeira / Jade Coelho

Uefs regulamenta atividades remotas da pós enquanto planeja retomada de aulas presenciais

Foto: Divulgação

Depois de um longo processo de discussão no conselho superior, a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) deliberou sobre as regras para as atividades e os processos seletivos da pós-graduação durante a pandemia da Covid-19. A decisão foi publicada nesta semana. As aulas presenciais estão suspensas na instituição desde março, mas o retorno presencial já é tema de pauta dentro da Uefs.

 

A pró-reitora de pós-graduação da Uefs, Silvone Santa Barbara da Silva, explica que está em análise a melhor maneira de retomar as aulas presenciais. A decisão vai considerar um conjunto de ações e adaptações na universidade, as recomendações das entidades de saúde e também a opinião da comunidade acadêmica.

 

Enquanto as datas de retorno presencial não são definidas, a comunidade acadêmica teve que se adaptar ao que é possível dentro da crise sanitária. Na resolução das atividades da pós-graduação, foi autorizado o uso de plataformas digitais para a realização dos processos seletivos. A pró-reitora de pós-graduação da Uefs, Silvone Santa Barbara da Silva, explica que cada colegiado terá autonomia para definir a maneira como será feita a seleção de alunos, desde o processo de inscrição até o processo seletivo propriamente dito. A intenção é que os colegiados simplifiquem e adequem as etapas às necessidades do trabalho remoto.

 

As adaptações acontecerão em várias vertentes. A exemplo dos exames de proficiência em língua estrangeira, para candidatos inscritos nos processos seletivos ou estudantes já matriculados em mestrado e doutorado. Estes exames poderão ser postergados. De acordo com a resolução, no caso de programas que admitirem a comprovação de proficiência até o momento de depósito do trabalho final, será permitido a defesa do trabalho final, ficando a emissão do diploma condicionada a essa comprovação.

 

As regras ainda determinam que estudantes de mestrado e doutorado, bolsistas ou não, poderão realizar estágio docência por meios remotos. As atividades em laboratórios serão reguladas em normas específicas.

 

A Uefs tem 562 alunos do mestrado acadêmico, 317 no mestrado profissional e 240 no doutorado. Os alunos que não são bolsistas Fapesb, CNPq e Capes terão direito a se inscrever em um edital de ajuda de custo para aquisição de pacote de dados de internet, explica Silvone. “A universidade particularmente abriu um edital de disponibilização de auxílio internet para estudantes em situação de vulnerabilidade e que não tenham bolsas, nós participamos desse edital junto com alunos da graduação”, disse a pró-reitora. A medida tem como objetivo contribuir com a democratização do acesso e adaptação dos alunos à nova realidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*