Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !









TUCANATO É SUSPEITO DE HOMICÍDIO DE RADIALISTA NO SUL DE GOIÁS

Publicado em: 18/1/2018

Jefferson Pureza, radialista de 39 anos, foi assassinado na noite de ontem, 17, no município de Edealina. Ele exercia a sua atividade profissional em uma emissora de Edéia, a Rádio Beira Rio, também no Sul de Goiás, e era um forte crítico das gestões do prefeito Elson Tavares de Freitas, do PSDB local, bem como do governador Marconi Perillo, da mesma legenda.

Segundo o jornal O Popular, Jefferson foi assassinado por dois elementos encapuzados, que tripulavam uma moto, caracterizando a ação como crime de mando.

Há três meses a rádio Beira Rio foi incendiada e até agora os inquéritos policiais não são conclusivos.

O grave atentado à liberdade de imprensa deve receber hoje o registro nas diversas instituições classistas do País, que são as sentinelas da liberdade de expressão e imprensa no País. O fato deve ser comunicado às instituições internacionais.

Extratraido de O EXPRESSO LEM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*