Bem Vindo ao Correio do Oeste - 9 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

PREFEITURA DE SÃO DESIDÉRIO CELEBRA PARCERIA COM PRODUTORES RURAIS PARA RECUPERAÇÃO DA LINHA NOVA AMÉRICA

Publicado em: 27/5/2015

 

A prefeitura de São Desidério e produtores rurais firmaram na última quinta-feira, 21, na Fazenda Acalanto uma parceria público privada para recuperação de 30 km da Linha Nova América, que dá acesso as fazendas daquela região à BR 020. Participaram da reunião, o prefeito Demir Barbosa, os secretários de governo, vereadores, o produtor Walter Horita e demais agricultores.
O município vai fornecer todo maquinário, óleo diesel e material para compactação, enquanto os produtores ficarão responsáveis pelas despesas com alimentação e hospedagem dos trabalhadores.  As obras terão início em 1º de junho, com estimativa de conclusão para quatro meses. Na Linha Nova América, a obra de recuperação contempla 12 empreendimentos agrícolas e aproximadamente 27 mil hectares de áreas cultivadas por algodão, soja e milho, facilitando o escoamento da produção e a recuperação da malha viária.

 

De acordo com o produtor, Walter Horita seria impraticável a obra sem a parceria com a prefeitura. “Nós sozinhos não temos condições de realizar estas obras, além de não termos o maquinário específico para este tipo de serviço, por isto agradecemos mais este apoio da prefeitura, que vem realizando grandes investimentos em benefício do desenvolvimento do município, com estas obras, nós diminuímos os custos dos transportes com insumos e fertilizantes, reduzimos também os fretes para tirar o produto da fazenda e levar até a fábrica, além de agilizar o escoamento da produção e o deslocamento das pessoas que trabalham e residem nas fazendas”, declarou.
O prefeito Demir Barbosa ressaltou a importância dos investimentos na produção agrícola. “Não medimos esforços em apoiar iniciativas como esta, pois visamos melhorar o escoamento da produção, diminuir custos para o produtor e trazer benefícios para o município, uma vez que estes investimentos aplicados na recuperação das estradas são provenientes de impostos, como o ICMS e ITR. Depois que passei a conviver com a realidade dos produtores, percebi o quanto são altos os custos da produção, sei que enfrentam vários desafios, como as condições climáticas, as pragas e por isto abracei esta causa, pois estas parcerias vêm dando certo e vamos continuar assim, buscando alternativas para o desenvolvimento do nosso município”, acrescentou.

Texto: Adinete Batista

Fotos: Rodney Martins

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*