Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !



NA DEFESA, WAGNER É SOLDADO MANDADO – POR SAMUEL CELESTINO

Publicado em: 23/12/2014

por Samuel Celestino

Na Defesa, Wagner é soldado mandado

Foto: Secom-BA
Se é que, de fato, a presidente Dilma Rousseff colocará o governador Jaques Wagner no Ministério da Defesa, como se anuncia, surpreende pelo inesperado. Wagner foi, sem dúvida, o petista que obteve mais êxito nas eleições estaduais do País, de tal sorte que ele passou a ser considerado em Brasília como uma das principais estrelas do partido, com possibilidades de sonhar com a candidatura à Presidência da República em 2018. O governador da Bahia merecia mais, muito mais, e não o menos que lhe foi ofertado, que, na estrutura do poder, é tido como um ministério de terceira classe. Quem o comanda normalmente desaparece da cena política, tal como aconteceu com o atual ministro, Celso Amorim, que fora ministro das Relações Exteriores de Lula. A função é ser, supostamente, superior aos três comandantes militares o que, na prática, não é bem assim e nada mais é do que um engodo, um faz de conta. É esta a função do Ministério da Defesa. Surpreende mais na medida em que Jaques Wagner nada tem a ver com assuntos das Forças Armadas, nem mesmo diálogo para tecer com os três comandantes, do Exército, Marinha e Aeronáutica. Quem sabe frequentando o Clube Militar? Ficará, imagina-se, por ser um quadro eminentemente político, isolado. No Brasil sempre foi assim: militar é militar, político é político. O ministério que presumivelmente seria a ele entregue, o das Comunicações, foi posto aos cuidados de Ricardo Berzoine. Bem comparado, o da Defesa só fica ao nível do ministério da Pesca e a uma quadra distanciado do de Turismo. É, não foi definitivamente o que se esperava. Zebra total. Wagner está muito além, do que lhe coube na partilha de Dilma, que, na verdade, é de direito a comandante das Forças Armadas. Enfim, uma zebra com listras enviesadas. Como bom soldado, Jaques Wagner cumprirá sua missão. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*