Bem Vindo ao Correio do Oeste - 9 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

MANUTENÇÃO DE CANDIDATURA DE LEÃO JA TERIA PROMOVIDO DESGASTE COM BASE PETISTA; ENTENDA

Publicado em: 16/3/2022

O rompimento do vice-governador João Leão (PP) com o grupo petista (veja mais) pode ter outros ingredientes além do desacordo sobre a posse ao governo pelo progressista (relembre aqui). Alguns mandatários petistas procurados pelo Bahia Notícias apontaram que a ideia de Leão em ser candidato ao governo, mesmo com a candidatura do senador Jaques Wagner (PT) já posta, provocou o início do desgaste.

Entre 2019 e 2020, alguns ajustes já estavam sendo feitos para que Wagner fosse o indicado do grupo para a candidatura ao governo. Porém o discurso de João Leão e de alguns aliados em reforçar sua candidatura ao governo (veja aqui) gerou os primeiros incômodos aos petistas. Leão ainda deixou clara a sua intenção de viabilizar a sua candidatura ao Palácio de Ondina na eleição de 2022, mas ainda deixou em aberto quando uma data para o anúncio. “Não sei se sai em março, mas vai chegar um ponto que vai ter que definir. Nossa condição é a cabeça de chapa”, afirmou Leão em entrevista ao BN na época (reveja aqui). 

Outro entrave na relação entre Leão e a base petistas seria o fato do vice-governador assumir o governo. A possibilidade se daria com o governador Rui Costa saindo do governo para disputar uma cadeira ao Senado (veja aqui). Apesar da movimentação, petistas procurados pelo BN, externaram o temor com relação a Leão chegar ao cargo e descumprir o acordo de não tentar a reeleição.

Com o andamento das negociações, o senador Jaques Wagner (PT) manteve a pré-candidatura ao governo da Bahia, mesmo após sinalizações de que o nome do bloco político para o cargo seria do senador Otto Alencar (PSD) (veja mais). O revés aconteceu e Wagner anunciou às lideranças sua decisão política de não concorrer ao governo do Estado, o que obrigou o diretório estadual a debater uma nova tática eleitoral (reveja mais). O resultado foi o rompimento formal do PP com o governo depois que o ex-governador divulgou a reconfiguração do grupo político sem comunicar previamente o atual vice.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*