Bem Vindo ao Correio do Oeste - 9 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

LÍDICE É PETISTA E TALVEZ SE NÃO SE CANDIDATASSE PERDERIA O PARTIDO, DIZ ELIANA CALMON

Publicado em: 12/11/2014

Ex-ministra Eliana Calmon

A candidata derrota ao Senado pelo PSB, Eliana Calmon, afirmou nesta manhã, durante entrevista à rádio Metrópole, que não se enquadra no quadro partidário brasileiro e comentou a atual situação dos partidos.”Os partidos não querem gente que tenha muita importância. Hoje eu tenho um patrimônio de mais de 500 mil votos, eles não me querem. Não acho que sou a melhor de todas, mas eles não me querem. Os partidos precisam ter o modelo fraturado para sair do contexto, é preciso um modelo de partido diferente, existem pessoas nos partidos que só querem se projetar”, comentou. Sobre a candidata derrota ao Governo do Estado, Lídice da Mata, Calmou foi clara e direta. “Ela é PT. Lídice foi candidata por uma exigência de Eduardo Campos. Talvez ela até perdesse a direção do partido se não se candidatasse”, afirmou. A ex-ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ) disse ainda que, após as eleições, percebeu que a sociedade tem necessidade de mudanças. “Nós temos que ter um novo caminho, as pessoas estão pesquisando. Estamos num processo de educação, preocupados com o governo, a própria eleição para presidente mostrou isso, tivemos um resultado apertadíssimo. Estou preocupada com a questão do Brasil”, disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*