Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !



IMBASSAHY CRITICA FALTA DE AÇÃO DE DILMA

Publicado em: 17/12/2014

As fortes oscilações enfrentadas pelos papéis da Petrobras na Bolsa de Valores nos últimos dias são consideradas pela bancada do PSDB na Câmara, liderada pelo deputado Antonio Imbassahy, a evidência incontestável de que a estatal beira o colapso diante de um governo inerte. Segundo o líder, a presidente Dilma Rousseff comete crime ao não tomar nenhuma atitude para estagnar a sangria da empresa. ”Não é possível que a situação permaneça seguindo nesse curso tão desagradável e constrangedor. É escândalo atrás de escândalo, e o governo nada faz. É inacreditável”, disse ele, no Plenário da Casa. Na segunda-feira (15), as ações caíram quase 10%. Nesta terça, fecharam no azul após pregões consecutivos de queda. No ano, as perdas acumuladas atingem 40%. Para Imbassahy, a petista indicou Graça Foster para promover mudanças pontuais na companhia, sem comprometer os vários acordos políticos que a sustentam na Presidência da República. ”Parece que Graça foi nomeada presidente da Petrobras para corrigir algumas coisas, mas, por ordem da Dilma, não avançou muito para não prejudicar os companheiros”, declarou o parlamentar baiano, que há semanas cobra a destituição da titular e dos demais diretores da estatal. Imbassahy cita alguns episódios comprometedores protagonizados pela executiva no Congresso. Entre eles, a defesa da compra da refinaria de Pasadena (EUA), que se mostrou escandalosa, e a omissão de informações a respeito do pagamento de propina da SBM Offshore a funcionários da Petrobras. “O que nos resta concluir é que Dilma está sem condições de demitir a Graça”, avaliou o líder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*