Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !









Envolvidos em tráfico em bairros nobres de Salvador são presos

Publicado em: 25/11/2020
Envolvidos em tráfico em bairros nobres de Salvador são presos

Foto: Divulgação SSP

Mais um condomínio de luxo de Salvador foi local de operação de agentes de segurança nesta semana. Uma operação da Polícia Militar prendeu um suspeito de ser responsável pelo abastecimento de drogas e armas para integrantes de uma facção no Nordeste de Amaralina, em Salvador, na noite de terça-feira (24). A prisão ocorreu no Alto do Itaigara, no edifício Mansão Ilha de Delfos, onde o suspeito morava. O homem foi capturado com 58 mil reais em espécie.

 

Na segunda-feira (23) o empresário paranaense Luiz Carlos Bonzato foi alvo da Operação Enterprise, da Polícia Federal (PF). Um apartamento ligado a ele localizado no Villaggio Panamby, condomínio de luxo localizado no Horto Florestal, foi o alvo em Salvador. Embora o endereço seja ligado a Bonzato, ele foi preso em São Paulo. O empresário foi apontado como alto integrante de uma organização criminosa especializada em tráfico internacional de drogas através dos portos brasileiros e lavagem de dinheiro. Segundo o Alô Alô Bahia, a PF cumpriu mandado de busca e apreensão e a investigação apontou o empresário como responsável direto pela logística montada para envio de toneladas de cocaína à Europa. 

Fachada do edifício Villaggio Panamby

 

Na operação desta terça, equipes da PM receberam denúncias anônimas e montaram bloqueios para capturar o suspeito que dirigia um carro de luxo modelo Audi A5. No momento da prisão, ele chegou a oferecer 100 mil reais em espécie e armas para ser liberado.

Suspeito foi preso com R$ 58 mil | Foto: Divulgação/SSP

 

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), no apartamento foram encontradas porções de skank e haxixe, além de anotações do comércio de entorpecentes e armas, dois celulares modelo iPhone e joias. Aos policiais, ele contou que morava no Alto do Itaigara, onde também comercializava entorpecentes.

 

O suspeito e os materiais apreendidos foram apresentados no Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*