Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !



EMPRESÁRIOS DIZEM QUE PT RECEBIA PROPINA DE DOAÇÕES OFICIAIS PARA CAMPANHA

Publicado em: 04/12/2014
Empresários dizem que PT recebia propina de doações oficiais para campanha

Foto: Geraldo Bubniak /AGB/Agência O Globo

O empresário Augusto de Mendonça, diretor da empreiteira Toyo Setal, afirmou em delação premiada à Polícia Federal (PF) que parte da propina era repassada ao PT por meio de doações oficiais de campanha. Ele e Júlio Camargo, também executivo da empresa, deram detalhes sobre o esquema de corrupção e disse que houve, também, duas outras formas de repasse do dinheiro ilícito: “parcelas em dinheiro” e remessas em contas indicadas no exterior. O então diretor de Serviços da Petrobras, Renato Duque, solicitou a Mendonça que ele fizesse doações ao PT, de acordo com o documento ao qual a revista Época teve acesso. Essa seria a primeira vez que os empreiteiros admitam ter pagado propina ao PT por contratos na Petrobras. Os pagamentos ao PT no exterior foram feitos, segundo Augusto, em uma conta chamada “Marinelo”, indicada pelo ex-diretor. Um destes desvios foi de R$ 20 milhões oriundos de um contrato de R$ 2,8 bilhões firmado com a Petrobras para obras na Repar (Refinaria Presidente Getúlio Vargas), no Paraná. Mendonça ainda afirmou que as empresas passaram, a partir de 2004, a fazer parte de um “clube” em que 2% das comissões eram voltadas a obter os contratos na Diretoria de Serviços, comandada desde 2003 por Renato Duque. O ex-diretor foi indicado pelo ministro-chefe da Casa Civil na época, José Dirceu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*