Bem Vindo ao Correio do Oeste - 9 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

DIREÇÃO DO PT-BA APROVA CHEGADA DE EUCLIDES FERNANDES; PCDOB E PV SERÃO CONSULTADOS

Publicado em: 30/3/2022

A direção do Partido dos Trabalhadores na Bahia aprovou, nesta semana, uma possível filiação do deputado estadual Euclides Fernandes (PDT) à legenda. Com o PDT cada vez mais fincado no arco de alianças do oposicionista ACM Neto (UB), o parlamentar tem buscado uma nova sigla para permanecer no grupo político governista.

A revelação da deliberação no PT-BA foi feita ao Bahia Notícias pelo líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), o deputado estadual Rosemberg Pinto (PT). Segundo ele, Euclides tem a aprovação da direção estadual da legenda, mas ainda é necessária a anuência do PV e do PCdoB, que integram uma federação junto aos petistas.

“A informação que eu tenho é que o PT aprovou o nome do deputado Euclides Fernandes para que possa integrar o quadro do Partido dos Trabalhadores. Isso foi debatido na direção estadual e foi informado pelo presidente na reunião de bancada do PT. Mas há uma premissa: qualquer desses parlamentares que integrarão a federação terão que ser combinados com todos os partidos. Ou seja: PT, PV e PCdoB se reunirão e aprovarão conjuntamente a entrada de novos quadros nesses partidos”, explicou Rosemberg.

Procurado pelo Bahia Notícias, Euclides não confirmou o acordo com o PT, mas sinalizou que a legenda é uma das que podem recebê-lo até a próxima sexta-feira (1º). Os outros partidos apontados pelo deputado foram justamente o PCdoB e o PV.

“Ainda não tem nada confirmado. Eu tenho até o dia 1º para decidir. Não estou com pressa. Tudo pode mudar a qualquer momento. Mas a tendência é que eu fique entre os três partidos da federação: PT, PCdoB e PV”, disse o parlamentar ao BN.

Outro parlamentar que está em busca de um novo partido para se manter na base governista da Bahia é o deputado estadual Roberto Carlos (PDT). O político juazeirense, entretanto, afirmou que não considera o PT como uma de suas opções.

“No momento, eu estou mais próximo de três legendas, que eu me identifico muito: PSB, PV e Avante. Mas também não descarto o MDB. Se eles chegarem mesmo à base do governo, viram uma opção”, afirmou Roberto Carlos ao Bahia Notícias.

Para Rosemberg, o governo tem a responsabilidade de encontrar partidos para esses aliados. Além de Euclides e Roberto Carlos, outros deputados estaduais procuram novas legendas para se manterem na base governista, como Vitor Bonfim (PL) e Junior Muniz (sem partido).

“Parlamentares que estavam em partidos que saíram do nosso rol de alianças e eles ficaram, nós temos a obrigação de encontrar, de forma coletiva, uma solução para que eles não tenham prejuízo na disputa. Se consolidar a aliança com o MDB, inclusive, se torna mais uma alternativa”, admitiu o líder do governo na AL-BA.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*