Bem Vindo ao Correio do Oeste - 11 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

Deputado Cafu Barreto é ameaçado de morte por médico de Irecê; parlamentar pediu proteção policial

Publicado em: 09/7/2024

O deputado estadual Cafu Barreto (PSD) teve o seu nome envolvido em uma polêmica com um médico da região de Irecê.

O parlamentar, que exerce o primeiro mandato na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) e ex-prefeito de Ibititá, foi ameaçado de morte pelo médico Raul Machado. Conforme o Boletim de Ocorrência registrado na 1ª Delegacia Territorial de Irecê, no último dia 12 de junho, o médico estaria cobrando valores indevidos relacionados a procedimentos hospitalares. Em nota enviada à imprensa, no entanto, o deputado negou a contratação de quaisquer serviços com o profissional.

O caso veio à tona após um áudio supostamente gravado pelo acusado ter chegado ao conhecimento do deputado. “Se ele não me pagar, vou matar ele [Cafu] em praça pública pra todo mundo vê, vou meter o dedo (…) Eu tenho 60 anos e ele 40, vamos ver quem viveu mais (…) E outra coisa: deixei tudo aberto em casa… O que eu tiver é pra gastar pra não deixar nenhum deles vivo, nem um irmão, nada”, diz o áudio de 17 segundos, no qual o Bahia Notícias teve acesso.

Boletim de Ocorrência / Foto: Reprodução / Bahia Notícias 

Como o crime de grave ameaça foi cometido contra um deputado com prerrogativa da função, ou seja, no exercício do mandato, a Procuradoria Geral do Estado também foi acionada. Na esfera criminal, o caso será enquadrado no artigo 147 do Código Penal, que trata sobre ameaça por palavra, escrito, gesto, ou qualquer outro meio simbólico. A pena pode ser detenção de um a seis meses, ou pagamento de multa.

Em nota, o deputado Cafu Barreto reiterou que “não devo nada a este indivíduo e confio plenamente no trabalho da Polícia e da Justiça. Mas, como as ameaças envolveram minha família, tive de pedir proteção às forças de segurança pública. A situação é grave, mas eu tenho fé em Deus! Por isso, enquanto a investigação estiver em andamento, vou seguir trabalhando normalmente em prol da Bahia”, concluiu.

A reportagem do Bahia Notícias tentou contato com o parlamentar, nesta segunda-feira (08), para obter mais detalhes sobre o caso, sem sucesso. Uma pesquisa nas redes sociais mostrou que o médico Raul Bastos Machado Neto se apresenta como cirurgião geral, com especialização em Cirurgia Dermatológica Estética – Dermatologia Estética Avançada por uma instituição de São Paulo. No perfil também consta que ele é ultrassonografista geral.

Uma consulta no site do Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia (Cremeb), do número de registro CRM 14669, que consta no perfil da rede social do médico Raul Bastos Machado, aponta que o registro está ativo na entidade desde 2001 estando, portanto, com situação regular. Ao contrário do que é divulgado pelo acusado, no site do Cremeb não consta nenhum registro como especialista nas modalidades citadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*