Bem Vindo ao Correio do Oeste - 11 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !

BAHIA: NELSON LEAL RECEBE A VISITA DO PRESIDENTE ELEITO DO TRE-BA

Publicado em: 19/3/2019

Amigo pessoal do chefe da Alba, desembargador Jatahy Fonseca Júnior entregou em mãos o convite da posse.

Um caráter amistoso marcou o encontro do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), deputado Nelson Leal (PP), com o futuro presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), na tarde desta segunda-feira (18), no Gabinete da Presidência da Alba, no Centro Administrativo (CAB).

O desembargador Edmilson Jatahy Fonseca Júnior, que assume os destinos da Corte Eleitoral no Estado até 2021, fez questão de entregar pessoalmente o convite da posse ao chefe do Legislativo baiano.

A cerimônia acontece no próximo dia 28, às 17 horas, no auditório do Tribunal, também no CAB. Edmilson Jatahy Fonseca Júnior vai substituir o também desembargador José Edvaldo Rocha Rotondano, que passará a dirigir a Corregedoria Regional Eleitoral.

Eu serei o primeiro a chegar para esta solenidade, e sentarei na primeira fila”, comprometeu-se Nelson Leal, com o desembargador que vai dirigir as eleições municipais de 2020 na Bahia.

Tenho uma enorme admiração pela pessoa do Jatahy Fonseca, um desembargador correto e muito competente. Tenho certeza que fará uma gestão bastante profícua à frente do TRE-BA, com muita lisura no pleito de 2020. Temos uma amizade grande e uma relação familiar. Fico muito feliz com o gesto carinhoso e cordial dele em trazer o convite”, comentou, o pepista.

A amistosidade se verificou também na pauta do encontro entre o deputado – escolhido para a direção da Alba com 62 votos de seus pares, dos 63 possíveis -, e o desembargador, eleito por unanimidade para dirigir a Justiça Eleitoral. As dificuldades em conciliar as atribulações da agenda presidencial com os compromissos com a família e criação e educação de filhos pontilharam a conversa dos presidentes.

JATAHY FONSECA

Jatahy Fonseca Júnior formou-se em Direito pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), em 1984, aos 22 anos de idade. Em 1986, ingressou na magistratura, aos 25 anos, tomando gosto pela área do Direito Eleitoral. Comandou diversas zonas eleitorais, na capital e interior. Também respondeu por varas cíveis e criminais baianas. Era vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral baiano e Corregedor Regional Eleitoral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*