Bem Vindo ao Correio do Oeste - 6 Anos Alimentando Você com Informações Políticas !



12 PREFEITOS SÃO PRESOS EM GOIÁS POR FRAUDE EM LICITAÇÕES

Publicado em: 16/10/2013

Acabou-se o tempo em que prefeitos colocavam membros de Comissão de Licitação apenas para assinar documentos em disputa de carta marcada.Esta prática já foi abolida e a realidade é outra.

Sem uma Comissão de Licitação competente e os editais transparentes, prefeitos de todo Brasil estão sujeitos á irem para a cadeia, não por roubo ou fraude, mas por erros técnicos nos certames, que ao serem realizados, os prefeitos assinam contratos e assumem a responsabilidade, tendo que pagar um preço muito alto.

Uma operação policial nesta terça-feira (15) terminou com a prisão de 12 prefeitos de Goiás, na ação intitulada Tarja Preta e liderada pelo Ministério Público do Estado. De acordo com o portal G1, eles são suspeitos de participar de fraudes em licitações para a compra de medicamentos. “Até agora sabemos que o esquema movimentou, só neste ano, cerca de R$ 15 milhões de recursos públicos”, explicou o procurador-geral de Justiça de Goiás, Lauro Machado Borges. No total, 27 mandados de prisão foram cumpridos em 19 municípios do estado e nas cidades de Barra dos Garças e Pontal do Araguaia, no Mato Grosso. O Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) expediu mandados de prisão temporária de cinco dias para os prefeitos de: Aragarças, Carmo do Rio Verde, Inaciolândia, Rialma, Uruana, Corumbaíba, Cromínia, Perolândia, Aloândia, Araguapaz, Piranhas. Já em Pires do Rio foi efetuada a prisão do ex-prefeito. Além deles, também foram presos na operação seis secretários municipais, empresários e advogados.

Por Joao Néris DRT 4145/BA com informações do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blue Captcha Image
Atualizar

*